• Quinta-Feira, 29 de Fevereiro de 2024

 

INFORME

Não dá mais para nos mantermos sob o julgo de uma jornada de trabalho ilegal. Vamos fazer uma Plenária para nos organizar em direção a uma greve geral em Mata por: respeito à lei do Piso e Jornada de 1/3 de A/C (14h) e no máximo 2/3 (26h) de interação; Rateio dos Precatorios; Atualização do Plano de Carreira sem nenhuma perda para os professores; garantia dos 20% com cumprimento da Lei do Piso; Gestão democrática na escolha de Diretores... agora nossa roda de conversa será no Litoral. Rumo à Greve Geral. A Lei tem que ser cumprida.