• Domingo, 21 de Abril de 2024

 

Não podemos aceitar que esse Projeto seja aprovado

Não podemos aceitar que esse Projeto seja aprovado. Ele fere a Constituição que garante o Direito de greve no artigo oitavo. O Governo Federal não instituiu aulas como serviços essencial. Nos próximos Decretos que exigirem parar os serviços não essenciais, as escolas não irão fechar, com isso, os Trabalhadores em Educação serão obrigados a trabalhar se expondo a todo tipo de coisas. Todos na Sala Virtual da Câmara contra esse Projeto, hoje, a partir das 17:00 horas.


  Baixe aqui o documento - 01